MOF; Meeting Of Favela - Caxias - RJ

Último domingo de novembro aconteceu no Rio de Janeiro, mais precisamente na Vila Operária em Duque de Caxias, o 7º MOF; Meeting Of Favela, considerado por muitos o maior evento de graffiti voluntário da América Latina. O evento organizado pela Posse 471, é encontro, é mutirão, não "seleciona" e consequentemente não exclui.  Quem quer, chega, se enturma, arruma seu espaço e com suas tintas pinta, interage com a comunidade e com os participantes. Eu diria, assim como o fazem seus organizadores, que quem faz o MOF somos nós, aqueles que se movimentam por conta própria pra fazer acontecer esta reunião que só quem participa entende. Oportunidade ótima pra rever amigos e conhecer novos, que estão pintando há muito e há pouco tempo Brasil e América do Sul a fora, já que o evento ganhou proporções internacionais.
Já na sexta pela manhã se encontra vários parceiros de atividade chegando pela rodoviária. Seja na noite boemia diversa da Lapa ou na "maloquerage" nossa de cada dia no baile funk do morro "o bonde do graffiti vai se formando" e ganhando o nome de Pré-MOF, que no sábado é atestado pelas pinturas em muros muito extensos ou intervenções soltas pela parte de baixo  da comunidade.
Domingo é o dia oficial, mas pra quem chegou antes acaba sendo apenas a continuação, somando-se a batalha de MCs, Bboys e Bgirls, Selectas e DJs (Hip Hop, porra!) até o fim do dia. Hora de despedida pra uns. Outros ainda fazem acontecer o Pós-MOF nos dias seguintes, mas aí já são outras histórias e, como dizem os parceiros de Salvador; "são várias queixas".

Teaser de promoção do evento
Alguns dos Pré MOF 
Foto por Hugo Inglez no Pré MOF
Role MOF - Vila Operária
Role A Força da Palavra - Pós MOF - Duque de Caxias

* Postado em 05/11/2013

Um comentário:

  1. Salve,Emol um excelente artista que tive o grande prazer em conhece-ló,e não foi pintando e sim em um grande evento "O carnaval em Recife" Satisfação total em recebe-ló em minha humilde casa assim como meus grandes amigos de Salvador.. Forte Abraço irmão tamo juntos sempre. Bozó

    ResponderExcluir